sábado, 23 de agosto de 2008

...E o Rock Contra-Ataca!

Brasil Legal (Barreto, Niterói)

INCRÍVEL MART – RICTO MÁFIA – CORVETT’S – ANTIX – STILING – ARROTA 26 – KURUBACO – FEED ME



Num sábado cinzento em que minhas cobertas me convidavam para dormir o sono dos justos, logo após pisar em casa depois de uma noite regada a cervejas e prazer carnal, eis que recebo um telefonema do Sr. FMZ me intimando a comparecer ao Som Brasil pra resenhar a volta de seu ...E o Rock Contra-Ataca! Como não fujo de desafios, decidi enfrentar o sono e encarar mais essa missão!

Embora tenha chegado bem tarde no local do show, consegui pegar o final da apresentação da banda Arrota 26. Uma boa banda que conta com um excelente frontman! Com mais experiência, vão dar no que falar. Misturando baião e hardcore, me fez lembrar a finada Raimundos. A Stiling merece aplausos pelo esforço e dedicação. Até por se tratar de uma garotada bem nova. É animador ver as influências das bandas dos anos oitenta no som da garotada! Eles também, com o tempo, vão se tornar uma boa promessa do Rock’ n Roll de Niterói. Em seguida foi a vez da excelente Ricto Máfia. Aquela vocalista deve ser fã de Cramberries! Ainda bem! Hipnotizou a todos os presentes com seu show de altíssimo nível! A melhor banda da noite junto com os caras que subiriam ao palco logo em seguida! Sem querer puxar o saco do Sr. FMZ: Mas o som da Incrível Mart está cada vez mais redondo! Não é minha praia, mas arrebentaram mais uma vez! Depois da banda do Sr. FMZ foi a vez do som pesado da banda Antix que esbanjou profissionalismo em cima do palco! Boa banda. A única decepção da noite foi a Feed Me. Pelo que o Titio Satan aqui entendeu, os caras chegaram com equipamento sucateado, se irritaram com os músicos que não quiseram liberar seus equipamentos para eles e ainda tentaram entrar em discussão com uma das bandas durante seu show. Tocaram sentados pois nem correias tinham e apresentaram um show displicente e uma atitude arrogante para com a produção e as outras bandas. Lamentável.

Outro fato lamentável foi o de duas bandas, Corvett’s e Kurubaco, terem simplesmente abdicado do direito de subir ao palco para mostrar seu trabalho. O Sr. FMZ, juntamente com a galera da Incrível Mart se esforçaram para que tudo saísse da melhor forma possível e mereciam um pouco mais de respeito. A falta de público não é desculpa para atitudes como essa. FMZ, Start Studio, Welber da Fungus & Bactérias e Ricto Máfia ainda ficariam por lá na sinuca e na gelada até altas horas da madrugada, segundo me confidenciou o Sr. FMZ. Mas já era hora de ir, mais uma vez, ao encontro de minhas amigas que a essa hora suavam a camisa pra garantir o leitinho das crianças!

por Tio Satan

2 comentários:

Ive Môco disse...

e antes de todo mundo ir embora, ainda houve Os Porcos, que não eram uma banda, mas uma família feliz e faminta de porcos chafurdando num monte de lixo e curtindo a váibe da madrugada. =). tenho isso gravado, aliás.

Banda Hanney disse...

Entra ai a da uma olhadinha na nossa musica!!!http://www.myspace.com/hanneyoficial
e deixem um scrap disendo o que acharam da banda!!! abraços p todos!!!

Leia também: